51 3713 8100

71 focos do Aedes Aegypti são encontrados no Schulz Última atualização em, 20 de abril de 2017

A Secretaria Municipal de Saúde de Santa Cruz do Sul recebeu nesta quinta-feira, dia 20, da 13ª Coordenadoria Regional de Saúde, o resultado do Levantamento de Índice Rápido (Lira), realizado no período de 3 a 12 de abril. A Vigilância Epidemiológica efetuou coletas por amostragem de estabelecimentos. O trabalho apontou para a existência de um foco com seis larvas no bairro Santa Vitória, onde até então nada havia sido encontrado. Nos demais bairros da cidade não foram encontradas larvas do mosquito, com exceção do bairro Schulz.

 

Nesse bairro, onde o índice de infestação é alto, o levantamento não foi realizado por amostragem. Todas as residências, no total de 1090, foram visitadas no período da pesquisa. Ainda restam alguns imóveis  fechados, cujos proprietários não foram encontrados, mas que serão visitados. O resultado aponta para 71 focos do Aedes Aegypti, com um total de 314 larvas.  

 

Dado o resultado do Lira, o trabalho prossegue para livrar de vez Santa Cruz do Sul da ameaça da dengue, zika vírus e chikungunya. Na próxima semana, um grande “faxinão” no bairro Schulz, com parceria da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Saneamento e Sustentabilidade, vai eliminar possíveis criadouros. Um carro de som vai percorrer as ruas a partir desta sexta-feira conscientizando e mobilizando a comunidade para as ações de prevenção.

Compartilhe:
Prefeitura de Santa Cruz Suporte Técnico: DTIC/SMF
ti@santacruz.rs.gov.br
Desenvolvido por DROP