51 3713 8100

Semana é de combate à exploração sexual de crianças e adolescentes Última atualização em, 16 de maio de 2017

Uma data para não ser esquecida. Na próxima quinta-feira, 18 de maio, é Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A data está sendo acompanhada por uma intensa programação.  

 

Para chamar a atenção sobre o tema, a Secretaria Municipal de Políticas Públicas (Sepop), por meio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) distribuiu, nessa segunda-feira, 15, dezenas de cartazes sobre o assunto nas unidades de saúde e no transporte coletivo. Também estão programadas palestras, blitze com orientações, capacitações, apresentação de serviços da rede de proteção e discussão sobre o assunto com educadores da rede municipal e estadual de ensino. 

 

Com o slogan Esquecer é permitir, lembrar é combater, vamos proteger nossas crianças e adolescentes, a campanha tem o propósito de sensibilizar e mobilizar a comunidade para o enfrentamento desse grave problema social. 

 

Para o secretário de Políticas Públicas, Edemilson Severo, aos adultos, além da responsabilidade legal de proteger e defender crianças e adolescentes, cabe também o papel pedagógico da orientação. “Queremos chamar as famílias, educadores, profissionais e a sociedade como um todo para quebrar esse ciclo silencioso que deixa marcas profundas”, disse.

 

Segundo a coordenadora do Creas, Ana Lúcia Dalla Favera Grotto, hoje estão em atendimento no local, 22 crianças e adolescentes, vítimas desse tipo de crime. “Estamos em constantes campanhas com os serviços socioassistenciais, políticas públicas de saúde, de Educação, de Esporte entre outros, afim de desvelar esse crime complexo e cruel que assola vítimas desde a tenra idade, deixando marcas profundas e de difícil superação”, declarou. As vítimas são encaminhados ao Creas pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), Ministério Público, Conselho Tutelar, Serviço Integrado de Atendimento Psicossocial do Hospital Santa Cruz e Serviço Social do Hospital Ana Nery. 

 

O que é abuso sexual

 

O abuso sexual corresponde a qualquer ato sexual praticado de forma não consensual (à força), ou por manipulação psicológica, contra qualquer pessoa. É crime previsto no Código Penal, agravado quando se trata de criança ou adolescente. 

 

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes foi instituído no ano 2000, através de um projeto de lei da então deputada federal Rita Camata (PMDB/ES). O 18 de maio foi escolhido porque em 1973, na cidade de Vitória, Espírito Santo, um crime chocou o país e ficou conhecido como o “Crime Araceli”, nome de uma menina de oito anos de idade que foi brutalmente agredida e teve todos os seus direitos humanos violados.

 

Cronograma de Atividades CREAS/CRAS/COMDICA/Conselho Tutelar/DPCA

 

18/05 – Blitz em dois locais na cidade – Centro e Bairro Arroio Grande – 10h30 às 13h30

25/05 - Capacitação de Profissionais de Educação das 26 Escolas Municipais e 19 escolas Estaduais, promovido pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar (Cipave), com participação do Creas.

Local: Anfiteatro, bloco 18 da Unisc 

Horário: 13h15 às 16 horas

 

Contatos para denúncias: 

Conselho Tutelar                                                           3713-3700  9-84447964

Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente  3713-4340 3711-4513

Policia Civil                                                                    197

Ministério Público                                                         3711-264418:21 16/05/2017

 

Compartilhe:
Prefeitura de Santa Cruz Suporte Técnico:
suporte@santacruz.rs.gov.br
Desenvolvido por DROP