51 3713 8100

Prefeito assina contrato para construção de mais 563 casas populares em Santa Cruz √öltima atualiza√ß√£o em, 10 de outubro de 2018

O sonho da casa própria para mais 563 famílias santa-cruzenses em situação de vulnerabilidade social está próximo de ser concretizado. Na manhã dessa terça-feira, 9, o prefeito Telmo Kirst, a vice-prefeita Helena Hermany, que também responde pela pasta de Habitação, e o superintendente executivo da Caixa Econômica Federal, Marcos Luiz Decezaro, assinaram o contrato no Salão Nobre do Palacinho.

 

Das seis cidades brasileiras que conseguiram pedir a reversão do financiamento habitacional, apenas Santa Cruz do Sul foi contemplada com recursos, sem precisar devolvê-los, através dos programas habitacionais Pró-Moradia e Minha Casa Minha Vida. Ao todo são 48, 2 milhões, a Fundo Perdido, portanto, sem custo para o Município e para o futuro morador, que foram disponibilizados pelo Ministério das Cidades para a construção das 563 moradias.

 

 Os dois loteamentos que receberão toda a infraestrutura para a construção das casas são o Mãe de Deus, no Bairro Santuário, que receberá 400 residências, e o Santa Maria I, no Bairro Santa Vitória, 163 moradias. Moradores de nove bairros do Município, inscritos no PAC, como os da Rua das Carrocinhas, do Loteamento Beckenkamp, de áreas invadidas dos bairros Rauber e Bom Jesus,  além dos bairros Margarida, Santa Vitória, Santuário, Pedreira, Dona Carlota, Progresso e Faxinal Menino Deus estão entre os contemplados.

 

Com uma área total de 45,31 m², as moradias terão dois dormitórios, sala de estar e de jantar, banheiro, cozinha com área de serviço e aquecimento solar.  No contrato estão previstos ainda a construção de duas Escolas de Educação Infantil (Emei), no bairro Progresso e Residencial Viver Bem, centros de convivência, pavimentação de 11 ruas, pontes de acesso aos loteamentos, iluminação, áreas de lazer e a recuperação ambiental (revitalização do trevo do Bairro Bom Jesus).

 

 Em seu pronunciamento, Helena Hermany elogiou o trabalho de todos os envolvidos nas etapas de cadastramento das famílias. “Agradeço aos servidores de várias secretarias. Graças ao empenho de todos conseguimos trazer mais esse benefício para nosso Município e, especialmente, proporcionar mais dignidade a todas essas famílias”, afirmou. O prazo para conclusão das moradias é de 18 meses. As obras devem iniciar já na próxima semana. 

 

 

Crédito foto: Martina Ferreira Sturm

Compartilhe:
Prefeitura de Santa Cruz Suporte Técnico:
suporte@santacruz.rs.gov.br
Desenvolvido por DROP